Visitas

quarta-feira, março 09, 2005

Alguém tem para a troca?

Gostava de ser alta como a Diana Garrido, ter os cabelos da Natasha Ornelas, o nariz da Margarida Baptista, a cintura da Ana Garcia, os olhos da Patrícia Naves, as sardas da Mariana Adam e as mamas da Maria Brazão.

Minhas meninas lindas, beijinhos para vocês.

(Perdoem-me bloguistas estar hoje a escrever para o meu mundinho, mas nem sempre nos apetece subir ao palco para receber as palmas! Que bonito, parece uma frase da Lili)

16 comentários:

Ana disse...

Ah...e gostava de ter as roupas a combinar com os ténis como o Cláudio Delicado.

Gui disse...

Fogo, quantas vezes é preciso dizer que o meu Batista é sem P??
Acho bem que tenhas feito justiça ao meu nariz. Realmente foi desenhado a pincel!

Ana disse...

Eu sei que o teu Batista é sem P, mas eu acho que fica bem com.

Gui disse...

Para a troca de tão belo nariz, só se for para trocar pelas tuas pernas. São umas belas pernas para subirem ao palco porque as palmas são merecidas.

Gui disse...

Já que falas nisso não sei se já te contei como descobri há poucos meses como fiquei sem o P no Batista. A minha madrinha/prima direita tem P e então o meu pai pressionado lá contou que surgiu um acordo ortográfico e ele decidiu deixar cair o P à má fila e alterou o nome dos pais no BI e tudo (coisas do PREC, aposto heheeheh). Quer dizer uma gaja toda a vida a pensar que a sua origem fazia toda a diferença por causa de um P, os Batistas de Arganil, os cristãos novos, blá blá. E assim cai cruelmente uma ideia inventada nas nuvens. è triste, ainda estou em recuperação do choque portanto agradecia que não brincasses com este tema particularmente sensível para mim...

Anónimo disse...

Para a troca tenho assim CDs, livros, receitas, truques da lide doméstica,... Mas tou a oferecer xixa, pneus, olheiras e varizes. Alguem interessado?

Gui disse...

Se tiveres xixa sem sem pneu sem celulite, ou seja xixa da boa, apita. E manda também os livros nunca são demais.

Cláudio disse...

E eu gostava de ter a gargalhada fácil e estridente da Ana Oliveira. Eu até já tentei, e ela sabe bem... mas é sempre muito forçado. Vou continuar a tentar, não vou desistir!

diana disse...

óóóó...Que queridaaaa!!
Mas não queiras ser alta que é uma grande maçada, principalmente quando os gajos são quase sempre mais baixos.

Anónimo disse...

Nem te posso aconselhar uma permanente, o efeito não é o mesmo...
Também eu gostava de ter tudo isso que tu escreveste (embora não conheça a maioria das pessoas descritas) e tudo o mais acrescentado nestes comentários.
Mas aí seria perfeita, uma maçada. Ou uma estúpida e arrogante, convencida que poderia ser uma Top-Model.
Sabes que o meu cabelo, rebelde, indomável, me dá o desgosto de acordar como se tivesse estado na máquina de lavar, só no programa da centrifugação!
Vivemos com as nossas características, pequenos defeitos, habituadas a não ser altas, esbeltas, à falta do nariz perfeito e de um peito que ainda deve uns centímetros à copa C.
Até que um dia alguém se lembra do nosso cabelo e o refere num Blog...
Tacha

Samantha disse...

boas escolhas!!!
se quiseres empresto-te um belo rabo também... o meu!!!!
se eu não gostar de mim, quem gostará?!?
; )

Ana disse...

Samantha...venha já de lá esse rabo!!

Anónimo disse...

ahhhhhhh tinha de vir espreitar a honrosa menção ao cabelo da Tacha no mundo bloguistico!...beijinhos meninas
Sónia ( amiga da Tacha )

(Vá..tacha passa pra cá os 5€ que prometeste se eu fosse lá ver...)

Ana disse...

Sónia. bem-vinda ao nosso blog e passa para cá metade dos cinco euros que o elogio é meu. bjs.

Gui disse...

hehehehehe ó Sónia será que haverão para mim metade da metade dos Euros da Ana? É que o blog também é metade meu. Estás metida em despesas.. Beijo grande para ti

Anónimo disse...

aiiii que tou tramada com estas mercenárias!!
ja os torrei todos em alcool no fim de semana..nao ha metades de metades pra ninguém...e tenho dito!

bjinhos

Sonia