Visitas

sábado, fevereiro 26, 2005

A gente vai continuar

«
Tira a mão do queixo, não penses mais nisso
o que lá vai já deu o que tinha dar
quem ganhou, ganhou e usou-se disso
quem perdeu há-de ter mais cartas para dar
e enquanto alguns fazem figura
outros sucumbem à batota
chega aonde tu quiseres
mas goza bem a tua rota

Enquanto houver estrada para andar
a gente vai continuar
enquanto houver estrada para andar
enquanto houver ventos e mar
a gente não vai parar
enquanto houver ventos e mar

Todos nós pagamos por tudo o que usamos
o sistema é antigo e não poupa ninguém
somos todos escravos do que precisamos
reduz as necessidades se queres passar bem
que a dependência é uma besta
que dá cabo do desejo
e a liberdade é uma maluca
que sabe quanto vale um beijo

Enquanto houver estrada para andar
a gente vai continuar...
»

Nós te agradecemos, Ó grande Jorge Palma!, porque houvestes criado este hino.

6 comentários:

Ana disse...

Bendito sejas ó Palma, que depois de te ter visto no auge da decadência num espectáculo sem pés na cabeça na Aula Magna jurei que nunca mais pagava para te ouvir cantar. Trocaste-me as voltas e mudaste de rumo. É assim mesmo. Lá estarei para te ouvir.

apipocamaisdoce disse...

Eu estive há duas semanas no Fórum Lisboa e foi lindoooooo! m grande concerto mesmo! O que a água Evian não faz por uma pessoa!

Gui disse...

Eu, que tenho a mania que sou uma purista da língua portuguesa, lá cometo as minhas gaffes.
Entretanto chamaram-me à atenção e foi reposta a palavra correcta. Tinhas razão velha carcaça.
Já agora, para que conste:
houvestes - pretérito perfeito do indicativo
houvésseis - pretérito imperfeito do conjuntivo
O que às tantas me deixa um bocado na mesma, porque aquele particípio passado está ali um bocado à boleia.

Afinal não me visto mal, escrevo é mal.

Gui disse...

Pipoca, gosto do teu blog, não sei arranjar assim um adjectivo à pressão, mas prende a atenção, alcoolizada ou não. Bom, bom.

Gui disse...

Parece que não se pode põr som nisto dos blogs. Gostava muito de partilhar convosco esta letra com registo audio.
Empresto cd a quem me assinar uma declaração de máxima estima e rápida devolução. vale a pena, digo eu...

Gui disse...

Devem pensar que eu não tenho mais nada que fazer nesta noite de sexta-feira, não é??? é verdade, ir para a rua com este briol nem pensar, é muito melhor estar aqui a dizer coisas sem nexo e a ouvir Rita Lee bem alto!!!!