Visitas

terça-feira, julho 19, 2005

Falai no Mendes e à porta o tendes (I)

Desde tenra idade conhecido por "filho do Mendes", a dada altura passaram a chamá-lo apenas Mendes, tal como seu pai e o seu avô antes dele. Estranhamente, nenhum tinha realmente por apelido Mendes, mas esse era um costume antigo de Vila Bela. Já o seu melhor amigo e companheiro de brincadeiras de infância era conhecido por Zé Sapateiro, negócio que nunca prosperou na família, que detinha há várias gerações uma taberna. O verdadeiro nome do Mendes na verdade não nos interessa.
O Mendes vendia enciclopédias por toda a concelhia na sua velha carrinha. Tarefa ingrata, a do Mendes, vender palavras a retalho a gentes mais habituadas às pedras e à lavoura. Quando se sentia pelas aldeias o troar da carripana, logo se estendia a notícia e os largos das igrejas esvaziavam-se como que por encanto... E não fosse a proximidade com os santos, quase se poderia dizer: "Falai no Diabo... e aparece-lhe o rabo".

(continua em www.vodka7.blogspot.com )

4 comentários:

Freddy disse...

Retratos de Tugal...
(porque é q agora há a mania de começarem a escrever num blog e depois passarem para outro.Combinação prévia?)

Beijitos da Zona Franca

Gui disse...

é mesmo combinação prévia, e é divertido, digo eu... beijinhos

sergonov disse...

É publicidade!

Freddy disse...

É o swing blogueiro né verdade?

Beijito da Zona Franca