Visitas

segunda-feira, outubro 08, 2012

Organização precisa-se

Agora que já comecei a trabalhar e que o Rodrigo já trinca coisas (ou seja, acabou-se aquela coisa de lhe enfiar com uma sopa de carne ou peixe feita pela minha mãe), tenho mesmo de me organizar para o miúdo comer pratinhos bons, variados e a horas decentes. Agora, por exemplo, já passa das onze e ainda ando de volta dos tachos para amanhã quando chegar a casa ser só aquecer. Mas não sei se terei tempo para fazer isto todos os dias e estava cá a pensar que se calhar faço é logo três ou quatro pratos diferentes e vou congelando. Será assim muito mau? É que não dá para ele comer do nosso jantar porque tanto eu como o Zé não estamos juntos à hora de jantar e raramente comemos de garfo e faca. Esta seria uma maneira mais pratica de fazer a coisa, não?

10 comentários:

Lilian disse...

Na minha opinião seria importante para o Rodrigo jantar consigo, nem que fosse algumas vezes. Como em tudo o resto, as crianças têm que ver para aprender... Sei bem que é complicado mas vale a pena tentar.
Eu faria várias comidas ao fim de semana para ir descongelando durante a semana.

Red Velvet disse...

Na minha opinião a opção de congelar é sem dúvida a melhor. Prático e rápido para a correria do dia-a-dia.

Anónimo disse...

Congela! Se tiveres tempo fazes outra coisa mas assim tens um sos. Dá imeeeeeeeenso jeito. Nao ha pachorra p andar sempre de volta dos tachos. Muito menos stress. E evitas ir a correr comprar um frango :)

Anónimo disse...

claro, e congelo tudo, sopas, refeições para graúdos e bebés.

Juanna disse...

Não percebi bem a tua explicação. Vocês nem comem juntos, nem comem sentados à mesa com prato, faca e garfo?

Quanto ao congelar, acho uma óptima ideia, não tem mal nenhum desde que não congeles natas, bechamel ou ovos. Por exemplo, eu quando faço almôndegas faço logo muitas para poder congelar para mais 2 refeições. Sopa congelada também é boa, tenta apenas não deixar no congelador mais de 3 meses.

Bolachas disse...

Eu e o meu marido também só comemos sopa e fruta ao jantar, por isso, ao fim-de-semana, que é quando comemos de garfo e faca, faço a mais ou cozinho mais dois ou três pratos para a minha filha comer durante a semana. De manhã é só retirar do congelador e voilá. Como o seu filho é pequenino, ainda mais simples.

vidasdanossavida disse...

Era importante conseguirem jantar juntos e comerem todos o mesmo, mas se não conseguem tente congelar comidas diferentes para lhe ir dando. A bimby nestes casos dá uma ajuda preciosa e em menos de nada o jantar está feito. Mas fale com o pediatra dele. O do meu filho insistiu sempre para o nosso filho comer o mesmo que nós assim que fez um ano porque é muito importante para o desenvolvimento deles. (se precisar de uma demonstração da bimby diga que tenho uma prima que faz). Bjs

Fernanda Loureiro disse...

O ter algo congelado é sempre uma garantia para quando não há refeição feita. Também acho importante estar a comer com os pais, por experiência própria; eles assim percebem que é hora de comer para todos, nem que a nossa refeição seja mais leve.

Beijinhos,

Fernanda Loureiro

Helena disse...

Eu também acho que é importante comerem todos na hora da refeição porque muitas vezes eles não querem comer isto ou aquilo, mas como nos vêm a comer lá comem também... fica mais fácil...
se não é possivel, acho que deve tentar que comam vocês os dois pelo menos...
em relação ao congelar...não costumo fazer isso, eu por norma tenho sempre sopa e dá-me pra 3 dias (guardo-a no frigorifico). O prato faço normalmente dia sim dia não, ontem por exemplo fiz massa, hoje vou passar a ferro e vamos comer sopa e a massa de ontem. Quando vejo que não vou ter tempo de fazer o jantar alguns dias, faço um tacho grande de arroz e apenas compro carne (que tempero na hora de grelhar) ou peixe em posta.
Uma coisa que tenho sempre em casa e adoro são umas latas que tem "chispalhada" "dobrada" "feijoada" etc não é pela carne, que é uma amostra e não vale nada em termos nutritivos, mas pelo feijão e pelo saborzinho bom que tem, o que faço é grelhar por exemplo peito de frango ou perú cortado aos cubinhos só com uma pitada de sal, e depois aqueço o conteúdo da lata e junto a carne grelhada ao feijão, sirvo junto com arroz, fica uma delícia e é uma variante ao arroz seco... e fica muito mais saudável
bjs

Anónimo disse...

Jantar juntos. .. uma miragem. O pai chega à hora em que estou a deita los. Eu bem tento jantar c eles. Mas entre toma a sopa, ajuda com a sopa, preparar o prato principal, limpar as asneiras, mal toco no meu prato. Ontem tive direito a cascata de sopa da mais nova por isso nem cheguei a pôr o meu prato na mesa ;)