Visitas

terça-feira, janeiro 05, 2010

Sou mesmo muito parva

Só mesmo uma mãe parva como eu desata numa choradeira de alegria em pleno consultório de pediatria, depois da médica anunciar que está na hora do Rodrigo começar a aventurar-se nas papas. Xiça, mas por que raio fui sair assim tão lamechinha, tão nham nham nham?

5 comentários:

Sara* disse...

Não és parva, és simplesmente uma MÃE :) :)

Anónimo disse...

Não é parvoice, é mais uma etapa que o Rodrigo alcançou.Só quem é mãe entende essas alegrias.
Bjinhos e um Excelente 2010.

Marta disse...

Eu sou chorona... Com o meu filho choro muito. Lágrimas boas, das que lavam os olhos para vermos melhor...

AC disse...

Acho lindo seres nham nham nham :):)

Bjs e o melhor do mundo para o Rodrigo :)

AC

Sofia Pereira Reis disse...

Olá. Raramente comento um post e um qualquer blog, mas desta vez não resisti. A sua experiência tem-me emocionado, e já chorei ao ler alguns posts! Sim, ficamos mais choronas depois de ser mães. O Caleb nasceu dia 8 de Junho. 7 dias depois caiu-lhe o cordão e com ele vinha uma pontinha de sangue. Eu fiquei histérica. Ai o menino está a sangrar! E não pode sangrar quando o cordão sair... bla bla bla. Valeu o meu marido e um telefonema para as queridas enfermeiras da maternidade em Gaia para eu conseguir parar de chorar :)