Visitas

quarta-feira, julho 15, 2009

Os meus dias de há três semanas para cá

07.00 - Despertar para comer quatro bolachas Maria. Volto a dormir;
09.00 - Marido traz pequeno-almoço à cama, inclui sempre iogurte e pão. Volto a adormecer até às 11.30 e não torno a dormir mais durante todo o dia;
12.00- Levanto-me pela primeira vez da cama para ir tomar banho e volto a deitar-me;
13.00 - Pais ou marido entram em casa com almoço feito e chamam-me à mesa quando está tudo pronto. Como, lavo os dentes e deito-me na cama. Antes de irem às suas vidas, deixam-me ao lado da cama um saco térmico com o lanche e tudo o que preciso para esse dia, como revistas, água, remédios, telemóveis, computador...;
17.00 - Sento-me na beira da cama e lancho. Inclui sempre um iogurte e uma sandes. Volto a deitar-me;
18.30 - Como algumas bolachas Maria;
20.00 - Marido ou pais dão-me o jantar e volto a deitar-me;
22.30 - Marido traz-me à cama um chá, que bebo com algumas bolachas Maria;
24.00 - Por esta hora, já estou mais para lá do que para cá e acabo por adormecer.

As horas na cama são passadas a ler, a ver televisão e aqui no computador. Felizmente, entretenho-me sozinha com alguma facilidade.

Esta noite vou trocar as camisas de dormir e os pijamas por um vestidinho de grávida, pois o meu pai faz anos e o bolo é apagado na minha casa. Se Maomé não pode ir à montanha...

9 comentários:

luciana teixeira disse...

olha que te admiro por aguentar tudo isso! se fosse comigo, te garanto, que não ia acreditar muito nos médicos e ia fazer alguma coisa, qualquer coisa. passar o dia deitada, no verão, dá agonia...

tudo de bom!

Mnemósine disse...

Vai valer a pena quando os gémeos vierem ao mundo saudáveis e cheios de graça!

lolita disse...

Imagino que é preciso muita paciência, mas num instante vais ter os bebes cá fora e provavelmente vais ter saudades dos dias passados na cama. Aproveita para carregar baterias. Bj

NG disse...

Uma pergunta que pode ser um bocado básica: qual a razão para tanta bolacha Maria? Têm alguma qualidade que também me deve levar a comer bolachas Maria?

Anette disse...

NG: eh eh, fizeste-me rir. Realmente devo estar a abusar nas bolachas Maria!! Mas era o que me davam no Santa Maria, quando estava internada, e foi um dos hábitos que trouxe para casa.

Obrigada a todos pela força. E sim, aproveito mesmo pra carregar baterias. Na realidade, ja me habituei a estes dias e não sofro com isso. Sofro sim quando perco sangue ou de cada vez que sinto líquido a sair. Estar deitada é o menos.

Anónimo disse...

Quando o desejo de ser mãe é grande, a força de vontade é ENORME! Força!
Porquê tanta bolacha Maria?? Gosto ou prazer? Achei piada!

Bjo
Ario (à espera do D & R)

Boop disse...

e os lanches que as amigas levam? os travesseiros, as queijadas, as histórias, dramas e gargalhadas não contam?

Anónimo disse...

Ha que manter o espirito positivo. Uma vencedora e feliz aniversarioao seu pai!
Força!

Pink Panther disse...

Olá... pelo menos a bolacha Maria não engorda... claro que se comeres um pacote inteiro por dia já não garanto...

Acredita que sei o que falas... mas é por uma excelente causa! E os dias vão passando e qd deres por ti já tens os tesourinhos cá fora a moerem-te o juizo... eheheh :)

Beijos e continuação de bom descanso...

Pink