Visitas

segunda-feira, agosto 30, 2010

As primeiras férias

E já passaram os meus dias de férias. Não posso dizer "as minhas duas semanas" porque este ano pus o gajo a tratar disso e deu numa linda coisa que foi uma semana e três dias de férias. "Hã? Humm? Mas por que não duas semanas Zé? Por que razão marcaste uma semana e três dias?" Daqui só dá mesmo para pareceber uma coisa: para o ano fico eu com esse pelouro. Leva com três semanas seguidas que até anda de lado, que é assim que eu gosto.
Continuando. As férias já lá vão, mas descansar que era bom, muito pouco. Aqui a menina, que em anos anteriores estava habituada a estender-se ao sol durante horas infindas a enfiar sandes, gelados, e bolas de Berlim no bucho, esteve este ano dedicada ao mais pirralho da família, ao Rodrigo. E tudo muda. Praia nas alturas pouco escaldosas, refeições a horas, despertar às nove e meia... O puto é que mandou no estaminé e não havia cá pão para malucos. O melhor? Tudo. O pior? Andar na praia ou na piscina em biquíni, de rabo para o ar, para lhe conseguir segurar as mãos enquanto ele treina o seu andar. E como ele treina, Meu Deus! Ai o que aquele miúdo quer andar. Eu bem o atafolhava de brinquedos na sombrinha do chapéu para ele ficar ali sossegado, mas nada a fazer. Ele queria dar voltas, muitas voltas. E ainda não consegue fazê-lo sozinho. Infelizmente ou não, já não digo nada, também não gatinha. O meu filho desloca-se com a barriga encostada ao chão, numa espécie de rastejo que ele lá inventou, mas que utiliza só em último recurso.
E então, escusado será dizer que estou com as minhas costas feitas num oito. Eu e o pai, que também entrou ao serviço. Mau, mau, era quando durante esta missão e debaixo de um calorzinho insuportável começava a sentir-me descomposta. Uma maminha quase de fora e o biquíni a querer desaparecer por entre as bimbas como se não houvesse amanhã. E eu naquela triste figura, de mãe empenhada e deicada, a pensar "Ai que eu tenho de soltar uma mão ao miúdo para me arranjar. Ai Rodrigo que vais bater com o teu trombil fofo na pedra da piscina mas é por uma boa causa, para a mamã ficar mais bonita, tá?".
Em Setembro há mais. E tirando serem umas férias mais cansativas, correu tudo optimamente bem. O bebé come tudo e mais alguma coisa, não estranha camas, dorme na praia, na piscina, aguenta-se bem me restaurantes, adora o mar, e, acima de tudo, diverte-nos imenso com as palhaçadas que começa a soltar.

6 comentários:

Manuela disse...

Annete, que bela descrição de férias dos papás e do seu pimpolho. Foram felizes, é o que interssa :)

Verduxa disse...

E de que interessa tudo o resto quando estamos felizes? :)

Anónimo disse...

Anocas, a vida muda muito... ehehehe, mas tem de ser!
Um bjo

Gui disse...

Se o Rodrigo solta palhaçadas, pois que tem a quem sair! E qualquer dia já se agarra à barriga a rir quando a desencostar do rastejo :)

Polo disse...

So perfect design.I also want to learn how to make it.According to your introduce,I have some good idea to do my work.Thanks to share those.At the same time,I also want introduce some useful and comfortable cheap ralph lauren shirts .During this fashionable summer,most of customers want to buy a suitable fashion clothes for yourself.Now in our online store,our custom women's wholesale polo shirts,the cheapest price and worthy trust quality already attracted so many peoples attention.Our latest style lyle and scott sale is outlet now.So many kinds of style polo shirts clothing waiting for you to buy.Especialy our latest polo shirts for men clothing hot sale in our shop.I also to offer everyone a good business. I hope we can learn each other.

Mafalda disse...

Olá. Só ontem, por acaso e através doutro blog, cheguei até si e quero dizer que gostei muito e já li o seu blog quase todo. Parabéns pelo Rodrigo e por partilhar aqui a sua história. Eu também sou mãe de um piolho de 9 meses e é muito giro ler e escrever sobre eles, sobre nós, sobre o que mudou, o que nos inquieta, o que nos faz rir ou chorar. Tudo a correr bem e tem aqui mais uma leitora.