Visitas

sexta-feira, junho 16, 2006

E se de repente um desconhecido…

( e sempre ali uma esquina, um encontrão de ombros, o derrubar de algo, uma mala, um saco, um encontrão de olhares, intensos )
E se de repente um
- Posso oferecer-lhe um café?
dito a medo
e depois um
- Vamos sonhar alto!
à boca cheia
à luz despida

10 comentários:

Marco disse...

e se de repente um(a) desconhecido(a), depois de uma longa, pesada e rotineira viagem de autocarro, tocar ao mesmo tempo e o mesmo botão "Stop" e descer na mesma paragem? os dedos tocaram-se, ao tocar o botão, e os olhos entrevistaram-se... há possibilidade de sonhar alto? gostei muito, está simples, mas dá a sensação de que começas aqui uma história entre dois que pode durar e durar. Muito bom! beijo

Mia disse...

Eu acho que o Marco está apaixonado! :p

Anette disse...

Eu também acho. Nhã, nhã, nhã...

Olha, eu estava feita com este enredo romântico porque teria de simpaticamente responder: "Desculpa... pode ser um descafeínado?!"

Marco disse...

Mia, isso são calúnias. vou deixar de andar de autocarrro. ehehehehehehehe!! por acaso, não estou apaixonado. mas... a ver se arranjo tempo para isso... eeheheheheh

JuBi disse...

Não há cá descafeínados para ninguém, menina Ana!!

Plasma disse...

Infelizmente, nos últimos anos, os desconhecidos que me quiseram oferecer o que quer que fosse,eram todos gajos...

Deverei repensar a minha sexualidade???

Gui disse...

Marco: histórias para durar e durar só mesmo a da jovem e do velho da Cidade Egoísta heheheheh, isto foi só um poemazito por causa daquele anúncio antigo "E se de repente um desconhecido lhe oferecer flores, isso é Impulse", decepcionado com o motivo tão fútil hãn? hehehe

Gui disse...

Plasma: não me parece q seja caso para tanto ;-)

sergonov disse...

Olha que se um desconhecido te oferecer flores também pode ser um Kê flô!
;)

QZ disse...

- Vamos sonhar alto!
à boca cheia
à luz despida
Épá ó desconhecida é que eu tenho vertigens, não queres sonhar antes mais baixo...

Tambem já vi daqueles desconhecidos que te dão um encontrão e depois ficas sem carteira é o chamado encontro com o manetes...hihihih